DECLARAÇÃO PARA TODAS AS FORMAS DE VIDAS DA TERRA


A Terra é uma entidade que vive em permanente evolução. Todas e quaisquer formas de vida existentes na Terra são elementos preciosos desta entidade. Desta forma, nós os homens, devemos cultivar a consciência de que somos membros componentes de uma comunidade global de vida e, como tal, temos uma missão comum e responsabilidade a cumprir em relação ao futuro do nosso planeta.
Cada um de nós tem um papel a desempenhar na evolução do nosso planeta e, alcançar a paz mundial é responsabilidade e obrigação de todos nós. Nos dias de hoje, são poucas as pessoas que estão completamente satisfeitas com a vida. Competindo pelos limitados recursos e territórios, temos gerado conflitos pelo mundo inteiro. Como conseqüência, são vistos efeitos devastadores ao meio ambiente global.
À medida que entramos no novo milênio, mais do que nunca, a concretização da paz do mundo depende do despertar da consciência de cada indivíduo da raça humana. Na atualidade, é imperativo que cada ser humano assuma a responsabilidade de cultivar a paz e a harmonia em seu coração. Todos nós temos esta missão comum que devemos cumprir. A verdadeira paz mundial será alcançada somente quando cada membro da humanidade tornar-se consciente desta missão comum e quando todos nós estivermos fortemente unidos através desse propósito.
Até agora, em termos de poder, riqueza, fama, conhecimento, tecnologia e educação, a humanidade esteve dividida entre aqueles indivíduos, nações e organizações que têm recursos e aqueles que não têm. Tem havido, também, distinções entre os doadores e receptores e entre os que ajudam e os que são ajudados.
Na presente declaração, afirmamos nosso propósito de transcender todas essas dualidades e sentimentos discriminatórios com um conceito totalmente novo, o qual servirá de base para construirmos um mundo pacífico.

PRINCÍPIOS GERAIS
 

Na nova era, a humanidade deverá avançar em direção a um mundo de harmonia em todos os sentidos, ou seja, um mundo no qual todo os indivíduos e todas as nações possam, mesmo desenvolvendo livremente suas próprias características, viver em harmonia uns com os outros e com todas as formas de vida da Terra. Para concretizar esse mundo ideal, estabelecemos os seguintes princípios.
 

1. Reverência pela vida
Criaremos um mundo baseado no amor e na harmonia na qual todas as formas de vida serão respeitadas.
 

2. Respeito por todas as diferenças
Criaremos um mundo em que serão respeitadas todas as raças, assim como
todos os grupos étnicos, religiões, culturas, tradições e costumes. O mundo deverá ser um lugar livre de discriminações ou confrontos em termos social, físico e espiritual – um lugar onde a diversidade será apreciada e exultada.
 

3. Gratidão e coexistência com toda a natureza
Criaremos um mundo em que cada pessoa se tornará consciente de que pode viver graças às bênções da natureza e que conviverá em harmonia com ela, cultivando sempre o sentimento de gratidão por todos os animais, vegetais e quaisquer outras formas de vida.
 

4. Harmonia entre o espiritual e o material
Criaremos um mundo com um bom equilíbrio harmonioso entre a civilização material e a espiritual, libertando-nos do nosso forte apego pelo materialismo e fazendo com que uma espiritualidade sã floresça na humanidade. Devemos construir um mundo onde não somente a fartura material, mas também a riqueza espiritual seja valorizada.

EXECUÇÃO
Colocaremos os princípios acima mencionados em execução da forma apresentada a seguir:
 

Como indivíduo:
Deveremos ir além de uma era onde a autoridade e a responsabilidade se encontram nas mãos dos estados nacionais, grupos étnicos e religiões, para uma era onde o indivíduo é o elemento mais importante. Visualizamos uma “Era do Individual”, não no sentido de viver dentro do egoísmo pessoal, mas sim, uma era na qual cada indivíduo estará preparado para assumir sua responsabilidade e cumprir sua missão como um membro independente da raça humana.
E, a maior missão de cada um de nós será cultivar um espírito de amor, harmonia e gratidão no nosso próprio coração e, a partir daí, levar harmonia para todo o mundo.
Nos campos especializados:
Estabeleceremos um sistema de cooperação através do qual serão coletadas sabedorias para produzir o máximo em termos de conhecimentos especializados, capacidades e habilidades em diversos campos, tais como de educação, ciências, cultura e artes, assim como de religião, filosofia, política e economia.

Como geração jovem:
No século 20, os pais, os professores e a sociedade eram os educadores das crianças e, por sua vez, as crianças estavam sempre em posição de serem instruídas. No século 21, os adultos também aprenderão das maravilhosas qualidades das crianças, tais como a pureza, inocência, alegria, sabedoria e intuição, para se inspirarem e se elevarem juntos. A geração jovem deverá exercer um papel de liderança na criação da paz para um futuro brilhante.
Que a Paz Prevaleça na Terra!

Fonte original:
http://www.goipeace.or.jp/japanese/declaration/Portuguese.pdf

CURA PLANETÁRIA